Espaçamento do mogno-africano em sistemas silvipastoris

Em vez de ler, que tal ouvir o artigo? Experimente no player abaixo:

 

A conciliação da criação de gado junto com florestas nobres, é denominado de sistema silvipastoril (pecuária + floresta). Normalmente esse sistema consiste no plantio da floresta em renques no sentido leste/oeste com espaçamento de 18 metros entre os renques, 3 metros entre as linhas e 2 metros entre plantas ou 3,5 por 1,75 metros (figura 01). A distância entre as plantas, quando adotado esse sistema, apresenta vantagens para produção de madeira para serraria, tornando a floresta mais homogênea e também mais lucrativa:

  • Melhor desenvolvimento do DAP (diâmetro à altura do peito);
  • Maior volume total e volume por indivíduo;
  • Árvores retilíneas;
  • Distribuição da copa;
  • Diminuição de rachaduras;
  • Menor presença de nós na madeira.

Espaçamento 300x225 branco

A densidade do sistema silvipastoril pode variar conforme a atividade que pretende-se priorizar dentro do consórcio, porém deve-se manter uma densidade variando entre 5 a 8,3 m² por árvore na lotação inicial dentro dos renques. É indicado que os renques contenham acima de 4 linhas, variando a dimensão do vão conforme a densidade pretendida. Para evitar pisoteamento das mudas e outros danos ao desenvolvimento da floresta, é indicado aguardar no mínimo 2 anos para que o gado seja solto no local.

Quando tratamos de plantio junto com a criação de gado, é importante se atentar para época de seca. Nesse período o mato seca mais rápido e, consequentemente, a oferta de alimento para os animais é reduzida consideravelmente. Essa escassez fará com que o gado busque minerais em outras fontes de alimento, mesmo não sendo agradável ao paladar, ele poderá danificar as árvores. Para evitar que isso ocorra, é preciso alimentar o de forma adequada para que ele não danifique as árvores.

Além dos espaçamentos, também é necessário realizar atividades de manutenção da floresta como a matocompetição, controle de formigas e definir o sistema de desbastes. Nos primeiros anos, essas atividades precisam ser mais intensas, porém ao se inserir o gado, o controle do mato já é controlado pelos próprios animais, reduzindo-se o custo de manutenção durante o ciclo.

Na região noroeste de Minas Gerais foram instalados plantios de Mogno-Africano para serraria no sistema silvipastoril utilizando o espaçamento de 36x2x3x3x3 metros, com lotação inicial de 555 árvores/ha, reduzindo-se para 317 árvores/ha até o quarto ano, 158 árvores/ha no sétimo ano e 79 árvores/hectare no décimo quarto ano destinadas ao corte final, previsto aos 17 anos de idade.

 

Arranjo Espacial das Árvores Modelo 1 Modelo 2 Modelo 3
 Distância entre renques (m)  9  18 36 
 N° de linhas no renque 4 4 4
 Distancia entre linhas no renque (m)  3
 Distancia entre plantas na linha (m)  2
 N° de árvores/hectare   1.111  740 555 

 

O modelo de espaçamento em renques também pode ser utilizado para plantios consorciados, que consiste no plantio de uma segunda cultura junto ao mogno africano. Neste caso, no vão será plantada a cultura secundária, sendo que a medida desse vão, varia de acordo com o que se pretende plantar. Por isso, busque ajuda de um profissional para indicar o melhor espaçamento no Matéria sobre plantio consorciado com mogno africano.

Como foi visto, há inúmeras formas de se plantar mogno africano: sistemas puros, sistemas silvipastoris e consorciado. Porém, em qualquer um dos sistemas escolhidos é importante alinhar os resultados que se pretende obter com a floresta, para que assim, a distância entre as mudas, seja definida de forma mais assertiva. Para entender a lucratividade da floresta que adotou este espaçamento, baixe nossa planilha modelo de investimento.

planilha modelo de investimento

 

 

 

 

 

 

 

  

 

Ligar

icon telefoneFale conosco!

(11) 4063-5206

 

Bate-Papo

icon chat

Receba ajuda de um

especialista on-line

Das 8h às 18h

E-mail

icon email

Envie-nos perguntas

detalhadas sobre sua dúvida

Saber Mais

Saber Mais

Use a Central de Atendimento

para encontrar as respostas

rapidamente.

Logo IBF

 WhatsApp IBF

bnds edit

Endereço

Instituto Brasileiro de Florestas

IBF Londrina

- Rua Sena Martins, 281B
Bela Vista, Londrina - Paraná
86015-060

+55 (43) 3324-7551

IBF Curitiba

- Rua Lívio Moreira, 631
São Lourenço, Curitiba - Paraná
82200-070

+55 (41) 3018-4551