Mogno Africano é um bom investimento para 2018?

De origem africana, hoje o Mogno Africano ganha espaço no cenário mundial, sendo a principal madeira nobre cultivada no Brasil devido ao fenômeno do Apagão Florestal.

Esse fenômeno consiste na falta de madeira para atender a demanda do mercado, sendo um dos principais motivos que tem atraído os olhares de diversos investidores de florestas nobres ou até mesmo de outros segmentos da agricultura e da pecuária. Pequenos projetos de criação de florestas de Mogno Africano apresentam alto valor agregado em pequenas áreas, de 5 a 10 hectares, por possuírem viabilidade para atuar na exportação.

Para se ter uma ideia da rentabilidade do Mogno Africano, uma floresta de Mogno Africano de 1 ha pode gerar cerca de meio milhão de reais no final de seu ciclo, sendo descontados desse valor o imposto e considerado a venda da madeira em pé. Além do aspecto financeiro, essa espécie apresenta capacidade de adaptação em quase todo território nacional e também a possibilidade de se fazer plantio consorciado com outras culturas e até mesmo com o gado.

Hoje o Brasil possui cerca de 30.000 hectares de florestas de Mogno Africano plantadas com idades que variam entre 0 e 20 anos segundo a Associação Brasileiro de Produtores de Mogno Africano (ABPMA). Apesar do crescente número, ainda assim não há riscos de inflar o mercado internacional.

 

 

 

Utilidades da madeira de mogno africano

A madeira do Mogno Africano possui excelentes usos comerciais, devido à raridade e beleza da madeira. É usada em diversos segmentos como:

Pratos de Mogno Africano Foto Marcelo Andre Fonte ABPMA

 

  • Movelaria;
  • Corpos de veículos de luxo;
  • Sofisticadas peças ornamentais: adornos e esculturas;
  • Construção naval: construção de navios e embarcações, iates, lanchas, canoas escavadas;Marcenaria: caixas, estojos decorativos, compensados, laminados, molduras de janelas, painéis,  portas e escadas, construções leves, assoalhos leves, escadas;
  • Outras finalidades: instrumentos musicais e esportivos, brinquedos, instrumentos de precisão, entalhes, torneados, acessórios de luxo (anéis e óculos).

Foto: Pratos de Mogno Africano de Marcelo Andre (Fonte ABPMA)

Agenda de Cursos

Workshop Internacional de Mogno Africano

Uma oportunidade única para investidores e empreendedores que estão em busca de novas informações sobre cultivo de Mogno Africano por meio da interação entre profissionais, instituições de ensino e pesquisa e empresas, criando-se, assim, uma rede de colaboradores capaz de otimizar todo processo da cadeia produtiva e de manejo desta espécie.

O Workshop Internacional de Mogno Africano conta com mais de 10 palestrantes com experiência na área sendo alguns dos palestrantes internacionais. Promovido pelo Instituto Brasileiro de Florestas (IBF), o evento aborda temas sobre técnicas, tecnologias e métodos para planejamento, plantio e manejo comercial das florestas de Mogno Africano.

Entre os temas das palestras, destacam-se o crescimento inicial do Khaya ivorensis sob diferentes microclimas e déficits hídricos. Também serão abordadas as melhores práticas para criação de florestas de mogno africano no Brasil. Haverá palestras que darão ênfase nas oportunidades, ameaças e tendências e perspectivas para o mercado.

Workshop de Mogno Africano

 

Vantagens do Mogno

 

 

 

 

Treinamento

 

Boletim Informativo

Mogno Africano

Ligar

icon telefone

Fale com um especialista do IBF

das 8h às 18h

+55 11 4063-5206

Bate-Papo

icon chat

Receba ajuda de um

especialista on-line

Das 8h às 18h

E-mail

icon email

Envie-nos perguntas

detalhadas sobre sua dúvida

Saber Mais

Saber Mais

Use a Central de Atendimento

para encontrar as respostas

rapidamente.

Logo IBF

 whats

bnds edit

Nossos Serviços

Endereço

Instituto Brasileiro de Florestas

IBF Londrina

- Rua Sena Martins, 281
Bela Vista, Londrina - Paraná
86015-060

+55 (43) 3066-2045

IBF Curitiba

- Rua Lívio Moreira, 631
São Lourenço, Curitiba - Paraná
82200-070

+55 (41) 3018-4551