Análise da produção de madeira no Brasil em meio o cenário de crise financeira e política

Em meio o cenário de crises políticas e econômicas, alguns mercados tem sofrido com quedas de valores de seus produtos, e notamos o mercado de madeira tropical se comportando de forma positiva. O Tropical Timber Market Report de julho de 2016 efetuou publicações com o objetivo de melhorar a transparência no mercado internacional de madeiras tropicais.

 

Um dado importante está na madeira tropical serrada, que aumentou em 22% em junho. No levantamento de junho de 2016 as exportações brasileiras de produtos madeiráveis (exceto papel e celulose) aumentaram 4,1% em valor quando comparado a junho 2015, de US$ 231,7 milhões para US$ 241,1 milhões.

 

O valor das exportações da madeira do Pinus serrado caiu 3,9% no mesmo período, de US$30,9 milhões para US$29,7 milhões, mas em termos de volume as exportações de junho de 2016 cresceram 15,7% em relação ao ano anterior, de 134.800 m³ para 156.000 m³.

 

A exportação de madeira serrada aumentou 22,4% em volume, de 26.300 m³ em junho de 2015 para 32.200 m² em junho de 2016 e o valor das exportação aumentou 12,3% (de US$13 milhões para US$14,6 milhões).

 

Em junho de 2016, as exportações de compensados de Pinus aumentaram 2,6% em volume em relação ao ano anterior, de US$34,1 milhões para US$35 milhões e o volume das exportações também cresceram, de 99.600 m³ para 134.200 m³.

 

Uma tendência similar foi observada en exportações de madeiras compensadas. Em relação ao ano anterior as exportações de junho subiram 22,4% em volume, de 9.800 m³ em icone.investimentojunho de 2015 para 12.000 m³ em junho de 2016. O valor das exportações aumentaram 4,3%, de US$4,7 milhões para US$4,9 milhões durante o mesmo período.

 

As exportações de madeiras para móveis do Brasil tiveram um bom desempenho em junho de 2016, subindo de US$35,2 milhões em um anterior para US$39,5 milhões.

 

O cenário para atividade é considerado positivo nesta temporada, pois o clima e o câmbio estão favorecendo a produção madeirável e a comercialização de seus derivados, principalmente o madeira serrada com o preço 22% superior àquele vigente na mesma época no ano passado. A conjuntura atual indica que será um ano de crescimento financeiro do setor que se encontra em constante expansão em função das políticas ambientais e diminuição da madeira explorada ilegalmente da amazônia.

 

Curitiba, 02 de agosto de 2016.

Higino Martins Aquino Júnior - Diretor de Desenvolvimento do IBF
tópicos: madeira tropical, mogno africano, madeira serrada, ITTO, IBF

material de estudo3

 

  Boletim Informativo

Ligar

icon telefone

Fale com um especialista do IBF

das 8h às 18h

+55 11 4950-9091

Bate-Papo

icon chat

Receba ajuda de um

especialista on-line

Das 8h às 18h

E-mail

icon email

Envie-nos perguntas

detalhadas sobre sua dúvida

Saber Mais

Use a Central de Ajuda

para encontrar as respostas

rapidamente.

Logo IBF

 whats

bnds edit

Nossos Serviços

Endereço

Instituto Brasileiro de Florestas

IBF Londrina

E Rua Senador Souza Naves, 182
Sala 602, 6º Andar, Centro
Londrina, Paraná, 86010-160

T +55 (43) 3066-2151

IBF Curitiba

E Rua Lívio Moreira, 631
São Lourenço
Curitiba, Paraná, 82200-070

T +55 (41) 3018-4551